NewDetail

AICEP
Agência para o Investimento e Comércio Externo de Portugal

CABEÇALHO

Com o negócio principal focado nos ativos cosméticos e antitranspirantes, a Elementis chega ao Porto no primeiro semestre do próximo ano para instalar um centro global de excelência e laboratório de investigação e desenvolvimento. Investimento inicial do grupo britânico ascende a três milhões de euros e prevê a contratação de 100 pessoas.

A escolha pela cidade portuense, sublinha a empresa do setor químico, prende-se com fatores como "os talentos de qualidade disponíveis, o ambiente de negócios benéfico para os objetivos da Elementis e as infraestruturas existentes".

Entre as mais-valias, acrescenta, está a oportunidade de colaboração com o Centro de Biotecnologia e Química Fina da Escola Superior de Biotecnologia da Universidade Católica Portuguesa.

 

A partir do Porto, a Elementis vai "atender às necessidades dos clientes e das outras localizações da empresa no continente americano e na Europa". O futuro centro global de excelência vai, não apenas apoiar o negócio da empresa, mas, também, reforçar a investigação e desenvolvimento dos laboratórios que a empresa tem na Ásia e na América do Norte.

"A Elementis Porto será um espaço aberto e inspirador para que os nossos colaboradores e clientes possam colaborar em demonstrações práticas, apresentações e formações", antecipa o diretor da empresa.

 

Paul Waterman adianta, ainda, o "plano de lançar mais de 50 novos produtos até 2026", sendo "nova localização crucial na realização desse objetivo".

 

Com cerca de 1.300 colaboradores em 23 localizações em todo o mundo, a Elementis "cria aditivos especiais de elevado valor que melhoram o desempenho dos produtos dos clientes", fornecendo soluções para os mercados de cosméticos, antitranspirantes, revestimentos decorativos e industriais, automóvel e cerâmica.

 

Em Porto.

Partilhar