NewDetail

AICEP
Agência para o Investimento e Comércio Externo de Portugal

CABEÇALHO

A Parras Wines, em Alcobaça, criou uma empresa com o enólogo Paulo Laureano, incorporando as marcas da empresa do enólogo e produtor alentejano no seu portefólio, revela o Hipersuper.

Segundo a fonte, a ideia do projeto é que a Parra Wines dê apoio aos vinhos de Paulo Laureano em termos de produção, armazenamento, logística e distribuição. Contudo, o produtor da Vidigueira irá continuar a ser o enólogo dos vinhos e o rosto das marcas com o seu nome, fazendo ainda trabalho de consultoria.

 

Assim, a Parra Wines irá passar a contar com as marcas de Paulo Laureano no seu portefólio global de vinhos. Além disso, o líder da Parras Wines, Luís Vieira, e Paulo Laureano trabalharão em conjunto para reorganizar o portefólio de vinhos deste último, sendo o objetivo rentabilizar a operação.

 

Em comunicado, a Parras Wines anunciou “ter firmado uma parceria de desenvolvimento com o conhecido enólogo e produtor alentejano Paulo Laureano, com o objetivo de potenciar marcas, incrementar valor, criar sinergias de produção e otimizar esforços e investimentos nos mercados nacional e internacional”.

 

Luís Vieira, CEO da Parras Wines, citado no mesmo documento, afirma que “a minha amizade com o Paulo já vem de há muito tempo e vai bastante para além do negócio e desta parceria que agora estabelecemos”.

 

“A Parras Wines está a crescer solidamente, fruto de uma equipa vencedora e da aposta em infraestruturas cada vez mais modernas e tecnológicas. Poder ter Vidigueira no nosso portefólio, aliado ao carisma do Paulo Laureano, é uma importante vantagem competitiva. Estou seguro de que iremos criar valor”, acrescenta o responsável.

 

Por sua vez, Paulo Laureano defende que esta parceria dará outro alcance, em termos de mercado, aos seus vinhos. “Esta parceria com a Parras Wines vem dar ao nosso projeto no Alentejo uma dimensão, estruturação e alcance que, de outra forma, seria impossível. Vai ser possível desenvolver as marcas Paulo Laureano sem abdicar daquilo que sempre foi e será a nossa filosofia de trabalho: terroirs de excelência e castas portuguesas”, diz o enólogo.

 

Recorde-se que Laureno produz mais de um milhão de garrafas dirigidas aos segmentos médio e alto.

Partilhar