NewDetail

AICEP
Agência para o Investimento e Comércio Externo de Portugal

CABEÇALHO

Este novo datacenter da operadora de telecomunicações visa permitir “maior capacidade tecnológica e o reforço de equipas”, além do crescimento em espaço físico.

A Gigas está a expandir-se em território nacional. A multinacional especializada em serviços de cloud computing realizou um investimento de três milhões de euros para a expansão do datacenter da ONI, na zona da Matinha, em Lisboa.

 

No entanto, o investimento estende-se até ao próximo ano. A operadora tem ainda dois milhões de euros prontos a investir e, uma sala de 360m2, pronta a ser equipada.

 

Este novo datacenter da operadora de telecomunicações visa permitir “maior capacidade tecnológica e o reforço de equipas”, além do crescimento em espaço físico.

 

Segundo a empresa, o objetivo é corresponder à “forte procura crescente em Portugal por serviços de cloud e de centros de dados, face à escassa e limitada oferta existente”.

 

Durante a apresentação, os responsáveis notam que Portugal ainda tem uma oferta muito fraca neste nível de equipamentos.
No total, a Gigas dispõe de mais de 350 colaboradores e, este investimento, permite uma nova vaga de recrutamento, em específico para as áreas tecnológica e comercial.

 

Para Diego Cabezudo, CEO e co-fundador da Gigas, o investimento de cinco milhões em dois anos trata “uma das expansões mais elevadas e feitas pelo grupo, para que o datacenter da Matinha seja uma referência importante e de excelência”.

 

Desde que entrou em Portugal, em 2019, o grupo já investiu 70 milhões de euros na ONI, um valor que já inclui os 40 milhões da aquisição. No final do ano passado, o mercado português já representava mais de 50% do negócio do grupo, sendo o seu principal mercado e ficando à frente de Espanha.

 

Em O Jornal Económico

Partilhar