NewDetail

AICEP
Agência para o Investimento e Comércio Externo de Portugal

CABEÇALHO

Angola fechou o ano de 2021 com a inflação nos 27,03%, registando uma subida de 1,93 pontos percentuais face ao valor registado em dezembro de 2020, com os preços a subirem 2,1% face a novembro.

"A variação homóloga situa-se em 27,03%, registando um acréscimo de 1,93 pontos percentuais em relação à observada em igual período do ano anterior (dezembro de 2020); comparando a variação homóloga atual com a registada no mês anterior verifica-se uma aceleração de 0,05 pontos percentuais", lê-se na nota do Instituto Nacional de Estatística de Angola, consultada hoje pela Lusa.

 

Na nota, os técnicos escrevem que o índice de preços do consumidor subiu 2,1% em dezembro face ao mês anterior, e apontam que as províncias onde os preços mais subiram foram Namibe, com 2,27%, Huíla e Malanje com 2,26% cada, Cuanza Sul com 2,24% e Cuanza Norte com 2,22%, ao passo que Luanda e Cabinda registaram uma subida de 2,2%.

Partilhar