NewDetail

AICEP
Agência para o Investimento e Comércio Externo de Portugal

CABEÇALHO

Laboratório tem mais de 40 anos de atividade, fabrico próprio, 100 trabalhadores e uma faturação de 12 milhões de euros.

A capital de risco Atena Equity Partners comprou a farmacêutica Sidefarma - Sociedade Industrial de Expansão Farmacêutica, empresa portuguesa especializada na comercialização e fabrico de formas farmacêuticas próprias e de terceiros, através do licenciamento das autorizações de introdução no mercado.

 

A Sidefarma iniciou a atividade em Portugal, há mais de 40 anos, com capitais franceses, passou por uma fase com acionistas alemães, até passar a ser portuguesa. De acordo com o comunicado da Atena Equity, a Sidefarma deverá registar um volume de negócios de 12 milhões de euros em 2021, e emprega mais de 100 colaboradores.

 

O valor do negócio não é divulgado.

 

O laboratório tem uma fábrica no Prior Velho, às portas de Lisboa, cuja capacidade foi expandida nos últimos anos, “proporcionando uma vantagem competitiva no mercado português, mas também contribuindo para o crescimento das exportações”, indica a Atena. Além de ter produtos próprios, a Sidefarma trabalha com fármacos licenciados por outros laboratórios.

 

“Entre os produtos fabricados e comercializados estão medicamentos sujeitos a receita médica e não sujeitos a receita médica, suplementos alimentares, cosméticos, dispositivos médicos, medicamentos hospitalares e biocida”, enumera o comunicado de imprensa.

 

A Sidefarma vem reforçar o portefólio de investimentos do Fundo Atena II, que em 2021 já concretizou, entre outras operações, a aquisição do Hospital Particular de Almada, unidade hospital de referência na margem sul de Lisboa, bem como a Malo Clinic.

 

O comunicado da Atena indica ainda que a capital de risco foi assessorada juridicamente na aquisição da Sidefarma pela Cuatrecasas e que o vendedor teve do seu lado a CCA.

 

Os fundos geridos pela Atena “têm como beneficiários últimos, além da própria equipa de gestão, instituições europeias (não-nacionais) e norte-americanas, onde se incluem fundações, universidades, seguradoras e fundos de pensões”.

 

Por fim, é referido que a Atena Equity Partners e os seus fundos sob gestão são autorizados e regulados pela Comissão do Mercado de Valores Mobiliários.

Partilhar