NewDetail

AICEP
Agência para o Investimento e Comércio Externo de Portugal

CABEÇALHO

O mais recente relatório do CDP, conhecido no final do ano de 2021, voltou a reconhecer o Grupo Sonae pelas suas ações concretas para reduzir emissões de gases de efeito de estufa, mitigar riscos climáticos e desenvolver a economia de baixo carbono, tendo alcançado o rating de liderança A-. 

A Sonae foi novamente reconhecida como empresa líder no combate às alterações climáticas pelo CDP, organização não governamental de referência pela classificação da performance ambiental de empresas e cidades. Esta distinção acontece ao mesmo tempo que a Sonae melhora significativamente a sua pegada ambiental, implementando medidas com o objetivo da eliminação, redução e reciclagem de plásticos.

 

No último ano, os negócios de retalho da Sonae, onde se inclui Sonae MC, Worten e Sonae Fashion, conseguiram que cerca de 58% das suas embalagens fossem recicláveis. De acordo com os dados do 1º Relatório de Progresso do Pacto Português para os Plásticos, da rede internacional Global Plastics Pacts Network da Fundação Ellen MacArthur, 52% das embalagens em Portugal são hoje recicláveis, apresentando as insígnias da Sonae um desempenho ambiental superior.

 

Além de promover a utilização de embalagens reutilizáveis, recicláveis ou compostáveis, a as empresas de retalho da Sonae têm também procurado reduzir a utilização de plástico e potenciar a utilização da sua versão reciclada nas embalagens dos produtos que comercializam. Também nesta meta, a Sonae destaca-se das restantes empresas que integram o Pacto Português para os Plásticos com quase o dobro da média na incorporação de plástico reciclado em novas embalagens: 19,5% nos negócios de retalho da Sonae, sendo o valor médio em Portugal de 11%.

 

De destacar que a Sonae MC foi recentemente considerada como o 3º retalhista do mundo com maior percentagem de embalagens efetivamente reutilizadas, recicláveis ou compostáveis, segundo o reporte do Global Commitment da Ellen MacArthur Foundation.

 

O mais recente relatório do CDP, conhecido no final do ano de 2021, voltou a reconhecer o Grupo Sonae pelas suas ações concretas para reduzir emissões de gases de efeito de estufa, mitigar riscos climáticos e desenvolver a economia de baixo carbono, tendo alcançado o rating de liderança A-. 

 

O CDP, organização sem fins lucrativos criada há mais de 20 anos sob o mote “Carbon Disclosure Project”, é a fonte de informação ambiental corporativa de referência para centenas de investidores e decisores dos mercados bolsistas em todo o mundo. Em 2021, o estudo avaliou mais de 13 mil empresas de todo o mundo.

Partilhar