NewDetail

AICEP
Agência para o Investimento e Comércio Externo de Portugal

CABEÇALHO

Sandra Ortega é uma das mulheres mais ricas de Espanha. É filha de Amancio Ortega, fundador do grupo Inditex (dono da Zara).

A península de Troia e Comporta, considerada a “nova Ibiza” de Portugal, continua a atrair o interesse dos investidores imobiliários. Sandra Ortega, que é uma das mulheres mais ricas de Espanha, herdeira do grupo Inditex – que detém a Zara – vai mesmo avançar com a construção de um resort de luxo em Troia, na freguesia do Carvalhal, no concelho de Grândola. As obras do novo empreendimento turístico, batizado de “Na Praia”, deverão arrancar já em setembro.

 

Ao que tudo indica, o projeto deverá nascer nos terrenos que Sandra Ortega comprou naquela zona à Sonae Capital, por 50 milhões de euros. O negócio foi dado a conhecer ao mercado, por essa altura, através de um comunicado enviado pela Sonae Capital à Comissão do Mercado de Valores Mobiliários (CMVM), tal como o idealista/news noticiou. 

 

Segundo as declarações do presidente da Câmara de Grândola ao jornal ECO, que avança a notícia, o projeto “está na fase final de apreciação das infraestruturas do plano de urbanização”. “Se esses elementos estiverem todos corretos, acredito que nos próximos dias, ainda durante setembro, possa ser licenciado o projeto”, confirmou António de Jesus Mendes. Quer isto dizer que alvará é emitido e pode começar-se a empreitada, nomeadamente as obras de infraestruturas, como preparação dos terrenos, criação de estradas/ruas, etc..

 

Depois, e para se iniciar a construção, a autarquia tem ainda de aprovar o projeto de arquitetura. Sobre este tema, o presidente adiantou apenas que “projeto sofreu alterações, de acordo com aquilo que foram as recomendações de várias entidades, sobretudo ligadas ao ambiente”.

 

Ao que tudo indica, e apesar de terem sido reduzidas as volumetrias – o projeto vai ocupar apenas 20% do permitido no plano pormenor - o “Na Praia” terá um hotel de cinco estrelas, três aldeamentos turísticos e dois equipamentos de desporto e lazer, num total de 123 unidades de alojamento e 506 camas.

Partilhar