NewDetail

AICEP
Agência para o Investimento e Comércio Externo de Portugal

CABEÇALHO

A Airbus é a maior fabricante de aeronaves do mundo, lugar que já conquista desde 2018, continuando a destronar a Boeing. Só em 2021, a construtora de aviões, concluiu 611 projetos, registando um aumento de 8% em relação ao ano anterior.

Os números deram à Airbus uma liderança considerável nas entregas geradoras de receita ao longo do ano passado. Depois de reduzir a produção devido à pandemia, os fabricantes de aviões estão a direcionar-se para o mercado da construção de aviões para passageiros de médio curso e cargueiros, apesar da preocupação global com a variante Omicron da Covid-19.

 

Os números deram à Airbus uma liderança inatacável nas entregas geradoras de receita, depois de duplicar o trabalho desenvolvido pela  Boeing que entregou ao mercado cerca de 302 aeronaves nos primeiros 11 meses de 2021. A ‘Reuters’ informou que os auditores da Airbus, orientados para validar cada entrega, dividiram-se entre uma contagem de 605 ou 611.

 

No entanto, a Airbus anunciou que vendeu 771 aviões em 2021, conquistando um total líquido de 507, após alguns cancelamentos, mas o suficiente para ser quase o dobro do ano anterior.

 

O Diretor Executivo da Airbus, Guillaume Faury, comentou o primeiro lugar conquistado como sendo “os primeiros frutos de uma recuperação”, esperando um aumento nas entregas de 8%.

Partilhar