NewDetail

AICEP
Agência para o Investimento e Comércio Externo de Portugal

CABEÇALHO

No próximo dia 11, a partir das 17h, dois painéis de especialistas vão analisar, nesta conferência online da EXAME, as soluções financeiras comunitárias para enfrentar a crise.

Ainda com os efeitos da pandemia a fazerem-se sentir, tanto na saúde pública como na economia, os próximos anos perspetivam-se desafiantes para empresas, trabalhadores e consumidores.
 

Que dificuldades ainda terão de ser vencidas até chegar à futura normalidade? Que oportunidades se abrem para empresários e empreendedores no fundo do túnel? Que desafios terão de ser vencidos pela economia nacional e que transformações poderá vir a operar nos próximos anos? E, em particular, que papel terá o envelope de incentivos comunitários nessa recuperação e reconfiguração?

 

São muitas as questões que ainda se colocam e a que vão procurar responder os participantes na conferência “Plano de Recuperação para a Europa: Oportunidades e desafios para as empresas”, iniciativa da EXAME e da Ageas Seguros, que se realiza no próximo dia 11 de fevereiro.

 

A partir das 17:00, e ao longo de dois painéis – transmitidos online, com acesso livre, no site e no facebook da EXAME – vão estar em análise o Plano de Recuperação para a Europa e a forma como as empresas podem concorrer aos seus apoios, além das prioridades para aplicação dos fundos provenientes deste plano, a famosa “bazuca” na gíria política, que ascende globalmente a 1,8 biliões de euros (orçamento plurianual mais fundo de recuperação), mais de 45 mil milhões dos quais terão Portugal como destino.

 

O presidente da CIP, António Saraiva, o presidente da AICEP, Luís Castro Henriques, Nuno Gonçalves, vogal do Conselho Diretivo do IAPMEI e Rui Leão Martinho, bastonário da Ordem dos Economistas, estarão a debater a natureza e os mecanismos de acesso a este pacote financeiro.

Depois, pelas 17:40, será a vez de abordar as opções estratégicas na aplicação destes fundos, uma análise em que participarão Cristina Siza Vieira, CEO da AHP, José Gomes, CEO da Ageas Seguros, o presidente do ISQ, Pedro Matias, e o diretor da EXAME, Tiago Freire. Ambos os debates serão moderados por Camilo Lourenço, comentador e fundador d’A Cor do Dinheiro.

 

 

A iniciativa, levada a cabo pela EXAME e pela Ageas Seguros, decorre do Prémio Inovação em Prevenção, que visa distinguir as boas práticas empresariais na área da prevenção, especialmente a forma como as empresas e seus gestores gerem preventivamente os riscos associados à sua atividade. Um prémio dividido em quatro categorias: dimensão nacional, geral; melhor projeto de prevenção relativo às pessoas; melhor relativo ao património; e melhor relativo ao ambiente.

Partilhar