NewDetail

AICEP
Agência para o Investimento e Comércio Externo de Portugal

CABEÇALHO

Experiência do consumidor, soluções tecnológicas, sustentabilidade, inclusão local e gestão do talento são as áreas de desafio desta edição do "Check-In Tourism Innovation on Campus".

A Nova SBE abriu até 29 de outubro candidaturas para a terceira edição do programa de inovação em turismo. Experiência do consumidor, soluções tecnológicas, sustentabilidade, inclusão local e gestão do talento são as áreas de desafio desta edição do “Check-In Tourism Innovation on Campus”. Startups selecionadas terão a oportunidade de desenvolver pilotos.

 

“Este é o momento de redesenhar e ajustar as práticas turísticas, aprimorando a experiência do cliente, cocriando soluções inovadoras que permitam o envolvimento local responsável e o desenvolvimento de ações sustentáveis focadas em pessoas”, refere Euclides Major.

 

“Pretendemos trazer às startups e PME, nacionais e internacionais, os recursos e dinamismo determinantes para acelerarem o processo de inovação tão essencial para o setor das viagens e do turismo, através de projetos colaborativos”, conclui o diretor executivo do Nova SBE Haddad Entrepreneurship Institute, promotor deste programa, realizado em parceria com o Westmont Institute of Tourism and Hospitality.

 

O programa arranca a 11 de dezembro, com matchmaking, no qual as startups pré-selecionadas poderão mostrar as suas soluções às PME e entidades parceiras, “ficando as oportunidades de codesenvolvimento de projetos piloto para a fase seguinte da iniciativa, com a duração de três meses.”

 

Experiência do consumidor, soluções tecnológicas, sustentabilidade, inclusão local e gestão do talento são as áreas de desafio nesta edição que termina a 13 de março de 2024 com o demo day.

 

O programa conta com 17 parceiros – Boost, Campingir, Cityrama, Details Hotels, FeelsLikeHome, GuestCentric, HotelShop, Osiris, Parques de Sintra, Tour Tailors, Travel Store, United Hotels, Discovery Hotel Management, Inatel, Newtour, Pousadas da Juventude e Visit Cascais –, tendo na edição anterior reunido 76 candidaturas, 362 propostas, tendo sido pré-selecionadas 20 startups. Destas, 10 chegaram à fase de piloto.

 

Em ECO

Partilhar