NewDetail

AICEP
Agência para o Investimento e Comércio Externo de Portugal

CABEÇALHO

A grande maioria das pequenas e médias empresas de comércio eletrónico viu crescer as suas vendas em 2021.

Uma em cada cinco empresas teve um crescimento de vendas de pelo menos 40%. No entanto, estas empresas também enfrentaram vários desafios.

 

Embora tenha sido mais um ano marcado pela pandemia COVID-19, foi um ano de sucesso para muitos negócios online.

 

Sendlane entrevistou 150 pequenas e médias empresas (empresas com menos de 44 milhões de euros em vendas) para ter uma ideia do atual mercado de comércio eletrónico. 

 

De acordo com o relatório, a grande maioria (92%) das PMEs viu as suas vendas aumentarem.

 

Para 21% das pequenas e médias empresas, as vendas aumentaram em pelo menos 40%. A maioria das empresas (34%) teve um aumento nas vendas de 10% a 20%, seguidas por 33% das empresas que tiveram um aumento de 20% a 40%.

 

Para além do aumento nas vendas, as margens de lucro também cresceram rapidamente. Até 90% das empresas pesquisadas tiveram um aumento de 10% ou mais no lucro geral. A maioria das empresas espera que estas tendências continuem. 

 

Até 93% esperam que as vendas aumentem, com 28% a esperar um crescimento de pelo menos 40%. A maioria de 92% também espera que os seus lucros cresçam, com 24% a prever um aumento de 40%.

Partilhar