NewDetail

AICEP
Agência para o Investimento e Comércio Externo de Portugal

CABEÇALHO

É com um dos símbolos da portugalidade que é decorada a árvore de Natal colocada à porta do Pavilhão de Portugal, na Expo Dubai. O Galo de Barcelos não está sozinho nesta árvore: há mais decorações portuguesas.

É uma árvore com cores e símbolos portugueses. Está à porta do Pavilhão de Portugal na Expo 2020 Dubai e visa promover o espírito natalício na primeira feira mundial do oriente e num país de maioria muçulmana.

 

O pinheiro de Natal está na praça exterior do pavilhão e foi decorado com 500 Galos de Barcelos.

 

“A iniciativa contou com o apoio da Câmara Municipal de Barcelos, que doou ao Pavilhão de Portugal os Galos de Barcelos, bem como da empresa têxtil portuguesa Burel Factory”, explica a representação portuguesa na Expo 2020, em comunicado.

 

Os galos de cor branca surgem colocados sobre corações vermelhos feitos em burel, “um tecido de lã único, considerado património industrial da região da Serra da Estrela”. No entanto, não estão sozinhos nesta árvore natalícia.

 

A representação portuguesa na Expo 2020 explica que além do Galo de Barcelos, que “conta uma das mais importantes lendas da cultura popular portuguesa”, a árvore é também decorada com “centenas de enfeites tradicionais, incluindo andorinhas e grinaldas”.

 

Mas o Galo de Barcelos é a estrela desta árvore natalícia. Segundo a lenda popular, “um peregrino que passava por Barcelos foi acusado de um crime e condenado à forca. Na presença do juiz, implorou que este revertesse a sua sentença e, apontando para um galo assado que estava sobre a mesa, disse: 'É tão certo eu estar inocente, como certo é esse galo cantar quando me enforcarem'", conta o comunicado.

 

“Quando o peregrino estava a ser enforcado, o galo assado ergueu-se na mesa e cantou. O juiz correu à forca e viu, com espanto, o pobre homem de corda ao pescoço. Imediatamente solto foi mandado em paz. Passados anos voltou a Barcelos e fez erguer o monumento em louvor a S. Tiago e à Virgem”, pode ler-se.

Partilhar