NewDetail

AICEP
Agência para o Investimento e Comércio Externo de Portugal

CABEÇALHO

A consultora multinacional de tecnologia e integração de sistemas de informação espera contratar, ao longo do ano, mais 130 pessoas face a 2017 para responder a projetos em regime de nearshore.

A consultora multinacional de tecnologia e integração de sistemas de informação conseguiu contratar mais 170 pessoas em 2017 somando agora 470 colaboradores, com uma carteira de 80 clientes e dois escritórios, um em Lisboa, outro no Porto, mas prevê a abertura de mais um escritório na capital portuguesa, ainda este mês de janeiro, para dar resposta ao mercado internacional.

 

A ideia é ultrapassar os 600 postos de trabalho, ainda este ano, estando a recrutar para já, 46 pessoas para o novo espaço em Lisboa, adianta à TSF, o gestor da unidade de negócio em Portugal.

 

Rui Miranda afirma que "o ano de 2017 foi bastante positivo para a nossa empresa, pela aposta muito grande nos clientes e nas nossas equipas e, por isso, em 2018 pretendemos continuar a reforçar a aposta no país, acima de tudo, com atividades de nearshore, daí a abertura de um novo escritório em Lisboa, com a disponibilidade de 46 postos de trabalho e com o objetivo de crescer".

 

A Aubay diz ter uma especialização técnica transversal a qualquer área de negócio e desenvolve projetos em território português, em especial para o universo financeiro da banca e seguros, área das telecomunicações, softwarehouses e área das utilities, da energia.

 

Além do emprego, a Aubay quer, a partir de Portugal, continuar a aposta em mercados internacionais, com a expectativa de ganhar novos clientes em várias geografias.

 

O responsável da empresa em Portugal, avança ainda que a Aubay criou uma posição para o mercado inglês, integrando um gestor de negócio local no Reino Unido e que está a desenvolver trabalho para trazer mais postos de trabalho para Portugal.

Para esta companhia, havendo no país muita competência técnica e capacidade linguística, é fácil concorrer com outro tipo de mercados, como, o britânico.

 

Nesta altura, desenvolve também atividade para a Alemanha e para França, onde está a sua casa-mãe, mas a ideia é chegar em breve aos EUA.

 

A Aubay registou um aumento na ordem dos 4 milhões de volume de negócios na transição de 2016 para 2017, fechando o ano a faturar 15 milhões de euros. A meta para 2018 é alcançar um crescimento até aos 20 milhões de euros.

Partilhar