NewDetail

AICEP
Agência para o Investimento e Comércio Externo de Portugal

CABEÇALHO

Promotores imobiliários e mediadores aproveitam bom momento do setor para lançar novos empreendimentos.

Quem visitar o Salão Imobiliário de Portugal (SIL) terá a oportunidade de conhecer em primeira mão “vários lançamentos de empreendimentos para a classe média e de construção nova”, revelou ao idealista/news Sandra Fragoso, gestora da maior e mais importante feira imobiliária do país, que abre portas esta quinta-feira (10 de outubro de 2019) e termina domingo.

Damos-te a conhecer alguns dos projetos que vão ser lançados durante o certame, que se realiza na FIL, no Parque das Nações, em Lisboa.

 

Para navegar neste mar de projetos sem se perder, e encontrar as melhores oportunidades, o melhor é mesmo descarregar e utilizar a aplicacão oficial do evento. A SIL OPPORTUNITY inclui a Planta do SIL "e dá indicações sobre as empresas que têm condições especiais para as aquisições de imóveis/serviços que sejam realizadas na feira imobiliária", explica a organizaçao da feira.

 

Habitat Invest mostra 5 projetos

 

Só a Habitat Invest, empresa privada de investimento imobiliário, colocará à venda cinco projetos no SIL 2019, com o valor global de vendas de 165 milhões de euros.

 

“No primeiro dia do evento a Habitat vai apresentar o Estoril Villas – 9 moradias no centro de Estoril -, o empreendimento Terras de Birre, um loteamento para a construção de 32 moradias com projeto aprovado, do atelier Bernardes Arquitetos, em Birre, Cascais, o Valrio, 155 apartamentos na Avenida de Berlim, em Lisboa, em parceria com a Solyd, e a jóia do coroa, o Marinha Prime, 55 villas e apartamentos na exclusiva Quinta da Marinha, Cascais, que se encontra a ser promovido em parceria com a Noronha Sanches”, refere a promotora de capitais portugueses em comunicado.

 

“No segundo dia do evento, a Habitat Invest apresentará o seu mais pequeno projeto, o AlcântaraLofts, com 33 unidades T0 a T2, na Av. 24 de Julho, em Lisboa, junto ao novo Hospital Cuf”, lê-se no documento.

 

A empresa revela, de resto, que tem em produção 578 unidades residenciais, num valor global de investimento de 267 milhões de euros. E mais: conta fechar mais três projetos até final do ano, num total de 200 unidades residenciais.

 

Belgas investem em Miraflores, às portas de Lisboa

 

Outro empreendimento residencial que promete dar que falar e que será apresentado no SIL é o Jardim Miraflores, um complexo residencial premium de construção nova localizado em Miraflores, no concelho de Oeiras, às portas de Lisboa, que será constituído por três edifícios: a Torre Girassol (com 16 pisos e 68 apartamentos), o Lotus Living (com nove pisos e 47 apartamentos e seis escritórios) e a Villa Iris (com quatro apartamentos).

Partilhar