NewDetail

AICEP
Agência para o Investimento e Comércio Externo de Portugal

CABEÇALHO

Em junho, o primeiro-ministro Thongloun Sisoulith assinou um decreto sobre as ZEE que prevê uma série de incentivos fiscais para empresas que operam nessas áreas em todo o país, na esperança de que isso aumente o investimento nessas zonas.

Empresas de educação, desporto e imobiliário e outros setores de serviços também receberão incentivos fiscais dependendo da localização da ZEE. Existem dois tipos principais de ZEE, a saber, zona 1 e zona 2. Os negócios promovidos que operam na zona 1 receberão uma isenção de 16 anos de imposto sobre lucros. As empresas que operam na zona 2 receberão menos incentivos fiscais, pois receberão apenas uma isenção de imposto de lucro de oitoanos.

 

Para detalhes adicionais consultar o artigo do Vientiane Times.

Partilhar