NewDetail

AICEP
Agência para o Investimento e Comércio Externo de Portugal

CABEÇALHO

Embora a vendas de veículos automóveis apresentem um decréscimo, a produção continua a aumentar. Cerca de 97% dos veículos fabricados em Portugal têm como destino o mercado externo.

A produção e montagem automóvel, no mês de abril, atingiu os 28.602 veículos, o que representou um crescimento de 12,1% face ao mês de abril de 2018, revelou a Associação Automóvel de Portugal (ACAP) esta quarta-feira.

 

Nos primeiros quatro meses de 2019, saíram das fábricas portuguesas 123.073 veículos automóveis, representando um aumento de 25,8% em comparação com o mesmo período do ano passado.

 

De acordo com os mesmos dados, este valor “confirma a importância que as exportações representam para o sector automóvel”, sendo que 97,4% dos veículos fabricados em Portugal têm como principal destino o mercado externo, e isso essas exportações contribuem “de forma significativa para a balança comercial portuguesa”.

 

A Europa continua a ser o mercado mais importante para as exportações dos veículos fabricados em território nacional (98,2%), com a Alemanha (22,6%), Itália (15,9%), França (13,8%) e Espanha (11,2%) a liderar a lista.

 

Os dados da ACAP revelam que foram montados 396 veículos pesados em abril deste ano e, em termos acumulados, de Janeiro a Abril 1.893 veículos. Destes, foram exportados 95,6%, sendo a América (89,7%) é o principal destino de chegada.

 

Apesar de nos primeiros quatro meses do ano ter acumulado uma produção positiva de 11,5%, no mês de abril a produção de veículos automóveis pesados apresentou uma quebra de 14,1%.

 

Já os veículos comerciais ligeiros obtiveram um crescimento na produção de 7,9%, quando comparando com o período homólogo, atingindo as 4.700 unidades. Em valor acumulado, de janeiro a abril do presente ano, produziram-se 19.518 veículos comerciais, significando um aumento de 21,6%.

Partilhar