NewDetail

AICEP
Agência para o Investimento e Comércio Externo de Portugal

CABEÇALHO

A Infraestruturas de Portugal lançou no passado dia 29 de Junho o concurso para a modernização e ligação ferroviária entre Sines e a Linha do Sul, uma empreitada que integra o Corredor Internacional Sul, cujo prazo de execução é de 720 dias. O valor base da concessão é de 33,6 milhões de euros, investimento previsto no âmbito do programa de requalificação e modernização da Rede Ferroviária Nacional – Ferrovia 2020.

Este troço irá não só modernizar o actual canal ferroviário da Linha de Sines, entre a cidade e Ermidas do Sado, mas também até às plataformas logísticas na fronteira espanhola, reduzindo o trajecto actual do transporte de mercadorias em 140 km, ou aproximadamente 3h30, partindo de Sines. Ao mesmo tempo que melhora a ligação ferroviária entre os destinos, a melhoria da ferrovia irá ainda viabilizar o uso do transporte ferroviário de mercadorias mais eficiente e competitivo.

 

De acordo com a Agência para o Investimento e Comércio Externo de Portugal (AICEP), gestora da Zona Industrial e Logística de Sines (ZILS), o projecto da ligação ferroviária Sines-Elvas é essencial para aumentar a competitividade da ZILS e do Porto de Sines.

Partilhar