NewDetail

AICEP
Agência para o Investimento e Comércio Externo de Portugal

CABEÇALHO

Ramo de manutenção da TAP vira foco para Oriente, depois de análise ao mercado ter identificado potencial por explorar. Empresa já iniciou processo de certificação com autoridade chinesa da aviação.

A prestação de serviços de manutenção a terceiros da TAP foi o segmento de negócio da transportadora aérea que mais cresceu em 2018, tendo conseguido um aumento nas receitas de 55,4% ao longo do ano, de 145,5 milhões para 226,2 milhões de euros, segundo os números que a companhia divulgou em março. Mas apesar deste forte crescimento, esta atividade da TAP, que não deve ser confundida com a operação de manutenção no Brasil, não quer ficar por aqui. Em 2019 a previsão é crescer mais 20%, com as atenções centradas a Oriente.

 

Mais aqui

Partilhar