NewDetail

AICEP
Agência para o Investimento e Comércio Externo de Portugal

CABEÇALHO

A Fiat Chrysler terminou 2018 como oitavo grupo automóvel por unidades vendidas, com 4,8 milhões de unidades. A PSA surge logo atrás, com 4,1 milhões. Somadas as vendas dos dois grupos totalizam 8,9 milhões, o que colocaria a nova empresa apenas atrás da Volkswagen, Toyota e Renault-Nissan.

Volkswagen lidera mercado mundial
O grupo Volkswagen – que inclui as marcas Volkswagen, Audi, Skoda, Seat, Porsche, Bugatti, Lamborghini e Bentley – somou 10,8 milhões de veículos vendidos no ano passado, liderando as vendas automóveis globais.

Toyota próxima do topo
O grupo japonês Toyota, com as marcas Toyota, Daihatsu, Lexus e Scion, totalizou 10,4 milhões de viaturas vendidas em 2018, ficando perto do líder e rival alemão Volkswagen.

Renault-Nissan também acima de 10 milhões
A fechar o pódio nas vendas de veículos mundiais no ano passado encontra-se a aliança Renault-Nissan, que engloba as marcas Renault, Nissan, Mitsubishi, Dacia, Lada, Infiniti, Datsun, CMC e ZNA. A união franco-nipónica terminou o ano com 10,3 milhões de viaturas vendidas.

Americana GM será ultrapassada
A General Motors (GM), que tem as marcas Chevrolet, Buick, GMC, Cadillac, Holden, Ravon, Wuling e Baojun, somou 8,6 milhões de unidades vendidas no ano passado. A empresa resultante da fusão PSA-FCA supera esta marca.

Hyundai-Kia com mais de sete milhões
O grupo Hyundai-Kia (Hyundai, Kia e Genesis) aumentou as vendas mundiais em 1,6% no ano passado, alcançando os 7,4 milhões de veículos vendidos a nível mundial.

Ford em queda acentuada
A norte-americana Ford, com as marcas Ford e Lincoln, viu as vendas encolherem 10,4% em 2018, para 5,6 milhões de veículos.

Honda fecha lote acima dos cinco milhões
A japonesa Honda, com as marcas Honda e Acura, fechou 2018 com 5,2 milhões de automóveis vendidos, acima da FCA e da PSA.

FCA no oitavo lugar
A Fiat Chrysler Automobiles (FCA), que detém as marcas Fiat, Chrysler, Dodge, Ram, Jeep, Alfa Romeo, Lancia, Maserati, Ferrari, Abarth e Iveco, registou vendas de 4,8 milhões de veículos no ano passado, ocupando o oitavo lugar.

PSA acima dos 4 milhões apesar da china
O grupo PSA (Peugeot, Citroën, DS, Opel e Vauxhall) vendeu 4,1 milhões de veículos no ano passado, com uma queda de 3,8% face a 2017, devido à contração das vendas na China.

Suzuki fecha top 10 à boleia da índia
A Suzuki aumentou as vendas em 5%, para três milhões de unidades, impulsionada pela Índia, onde tem mais de 50% de quota.

Partilhar