NewDetail

AICEP
Agência para o Investimento e Comércio Externo de Portugal

CABEÇALHO

A procura do mercado alemão pelo Algarve está a aumentar, registando-se um crescimento na venda de viagens aéreas para a região, ao abrigo de uma campanha que juntou o Turismo do Algarve e a companhia alemã Eurowings.

Em comunicado, a Associação de Turismo do Algarve (ATA) adianta que a mais recente campanha de flash sale (saldos) para potenciar reservas de última hora na região até ao final de Outubro «registou uma enorme adesão, provocando um aumento de vendas de 94%»

 

O mercado alemão é o segundo mais expressivo para a região, em número de turistas, a seguir ao Reino Unido, e tem sido, ao longo dos últimos três anos, «o alvo do maior investimento» na «estratégia promocional para o destino», refere o presidente do Turismo do Algarve, João Fernandes.

 

A Eurowings, que assegura oito ligações entre Faro e diferentes cidades alemãs, é uma das companhias aéreas com as quais o Turismo do Algarve está a operar campanhas idênticas, estando também a decorrer, até ao final do ano, a realização de acções com a Ryanair ou a Easyjet, que voam igualmente para a Alemanha.

 

«Estamos muito entusiasmados perante o interesse e a receptividade com que têm sido acolhidas as várias iniciativas que o Turismo do Algarve tem estado a realizar junto deste mercado», sublinha João Fernandes, citado no comunicado.

 

A campanha de comunicação digital que o Algarve lançou durante os meses de Julho e Agosto em plataformas como o Facebook, Instagram ou Youtube, dirigida ao mercado alemão, está a obter, também, «resultados muito positivos», acrescenta.

 

Sob o mote «Die Algarve tut dir gut» («O Algarve fica-te bem»), a campanha consiste na promoção de um vídeo sobre o Algarve, que já ultrapassou as 120 mil visualizações.

 

Nesse sentido, está previsto, até ao final de 2020, um reforço da campanha online junto do mercado alemão, no valor de 100 mil euros, através da promoção de conteúdos relacionados com o golfe, turismo de natureza, ciclismo, passeios, cultura e gastronomia.

 

«O turista alemão é apreciador de experiências diferenciadoras e da autenticidade do Algarve e visita a região com base em motivações muito diversificadas», explica João Fernandes, frisando que costuma viajar também fora da época alta.

 

Em 2020, o valor investido em campanhas de marketing conjuntas com operadores e companhias aéreas dirigidas ao mercado alemão ascende a 1,8 milhões de euros, com o Turismo do Algarve a assegurar metade desse investimento

«Acreditamos que, de forma progressiva, estamos a conseguir restabelecer a confiança que os turistas alemães sempre tiveram no Algarve, um destino que já lhes é familiar», conclui João Fernandes.

 

No ano passado, o Algarve registou a visita de 360 mil turistas provenientes da Alemanha, o que se traduziu em aproximadamente 1,9 milhão de dormidas, um valor correspondente a um crescimento de 15% entre 2014 e 2019.

 

A ocupação hoteleira em Julho no Algarve registou uma quebra de 60,2% face ao mesmo mês do ano passado, tendo sido registada uma ocupação global média por quarto de 33,2%, indicou hoje uma associação do sector.

 

Em comunicado, a Associação de Hotéis e Empreendimentos Turísticos do Algarve (AHETA) refere que o mercado britânico foi o que mais contribuiu para a descida, tendo sido registada uma quebra de 91,1%.

 

Os outros mercados com mais quebras em Julho passado comparativamente ao período homólogo foram o mercado irlandês, alemão e holandês.

Partilhar