NewDetail

AICEP
Agência para o Investimento e Comércio Externo de Portugal

CABEÇALHO

A capital europeia que passou despercebida nos últimos anos tem estado na ribalta por vários motivos. Não é só o turismo que está a fervilhar. Há talento e negócios a nascer em Lisboa para o mundo.

– Where are you from?
– Lisbon.
– Oh! Lisbon! I have been there

 

Com mais ou menos variedade, este tipo de clichê marca o início de conversa entre qualquer português que visite o estrangeiro e alguém desse local; contudo, com as forças da globalização e o mercado digital que nos torna a todos cada vez mais próximos, o cenário está realmente a mudar.

 

Assim, numa das próximas viagens que faças a um país em que o panorama do empreendedorismo e das startups seja uma realidade, é provável que a conversa seja bem diferente e que, por entre pastéis de nata e jogadores de futebol, surja o nome de um unicórnio ou da última grande ideia a nascer em Portugal. 

 

Os países já não são apenas reconhecidos pelas suas pérolas gastronómicas, nem pelos seus atletas fora de série, mas também pelas empresas que partem de uma nação à conquista do mundo. Isto já acontece, por exemplo, com a Farfetch que não estando registada em Portugal tem no ADN a marca indelével da portugalidade, mas no futuro pode acontecer com muitas mais.

 

A versão britânica da revista Wired tem vindo a fazer uma lista das startups portuguesas mais em voga; aproveitámos essa lista, aplicámos o filtro da cidade de Lisboa e acrescentámos mais alguns nomes. De seguida, apresentamos assim as startups com ADN lisboeta que estão a fazer barulho lá fora e/ou cá dentro, sem nenhuma ordem especial.

 

Consulte aqui.

Partilhar