NewDetail

AICEP
Agência para o Investimento e Comércio Externo de Portugal

CABEÇALHO

Ignorando as habituais listas com 10 tendências para o novo ano, a Deloitte decidiu ser mais concisa e apontar as três áreas que será impossível ignorar em 2019.

De acordo com estudo “TMT Predictions Deloitte”, Inteligência Artificial, 5G e colunas inteligentes serão as principais tendências de inovação.

 

Sobre a Inteligência Artificial (IA), a Deloitte indica que, entre as empresas que já recorrem a esta tecnologia, 70% irá assegurar apostar na cloud. Até 2020, a taxa de penetração de software empresarial com IA embutida e de serviços de desenvolvimento de IA com base na cloud atingirão os 87 e 83%, respectivamente.

 

Segundo Sérgio do Monte Lee, partner e Technology, Media & Telecom leader da Deloitte, apenas as empresas tecnológicas estão a aproveitar os benefícios da IA. Mas a cloud irá potenciar aumentos de eficiência e melhores retornos de investimento, pelo que companhias de outros sectores poderão tirar partido desta tecnologia.

 

Quanto ao 5G, a Deloitte indica que estas redes vão entrar em palco já este ano e que cerca de 25 operadores vão lançar serviços 5G – em 2020, este número deverá duplicar. A previsão aponta também para mais de um milhão de dispositivos móveis 5G vendidos ao longo deste ano, subindo para 15 a 20 em 2020.

 

Por fim, as colunas inteligentes – ou smart speakers. Até ao final deste ano, a base instalada destes equipamentos deverá chegar aos 250 milhões de unidades. Trata-se da categoria de dispositivos conectados com um crescimento mais rápido, representando actualmente um mercado de 7 mil milhões de dólares (6,1 mil milhões de euros). As receitas totais deverão crescer 63% este ano, sendo que em 2017 fixaram-se nos 4,3 mil milhões de dólares (3,8 mil milhões de euros).

 

A Deloitte alerta apenas para a necessidade de as tecnologias de reconhecimento de voz melhorarem a abrangência da sua oferta e aumentarem o número de idiomas.

Partilhar