NewDetail

AICEP
Agência para o Investimento e Comércio Externo de Portugal

CABEÇALHO

O indicador do sentimento económico registou quebras em abril, face a março, tanto na zona euro (1,6 pontos) quanto na União Europeia (UE 1,5 pontos,) segundo dados hoje revelados pela Comissão Europeia.

De acordo com a Direção-geral dos Assuntos Económicos e Financeiros, o recuo de 1,6 pontos para os 104,0 resulta principalmente de uma menor confiança nos setores da indústria, comércio de retalho e, com menor impacto, no da construção e no dos consumidores.

 

Entre as maiores economias da zona euro, o sentimento económico cresceu apenas na Holanda (0,4), tendo recuado em Espanha (-2,6 pontos), Alemanha (-1,5), Itália e Holanda (-1,0 cada).

 

A quebra de 1,5 pontos para os 103,7 na UE reflete a deterioração do indicador nas maiores economias fora do euro, a do Reino Unido (-1,5 pontos) e a da Polónia (-3,7 pontos).

Partilhar