NewDetail

AICEP
Agência para o Investimento e Comércio Externo de Portugal

CABEÇALHO

A Sua Farmácia Online, Filigrana Portuguesa, Friendly Fire, Luc, Maria do Mar Shop, Nanai, Oia Design, Oniris Store e Portugal Nosso são as empresas que protagonizam o "Buying online? #pickportugal" (Quando comprar online, escolha Portugal), uma campanha de comunicação internacional de promoção do e-commerce português lançada pela AEP. Com um investimento que rondou os 800 mil euros, o objetivo é "potenciar os negócios de todas as PME e incentivá-las a apostar cada vez mais nos canais digitais para chegar a novos mercados", afirma Luís Miguel Ribeiro, presidente da AEP.

Vida Económica - Em que consiste e que objetivos se procura alcançar com a campanha de promoção do e-commerce português?


Luís Miguel Ribeiro - A campanha de promoção internacional é uma das atividades que estão inseridas no projeto Portugal Digital Export, que pretende apoiar ativamente a internacionalização das PME portuguesas, incentivando-as a apostar no desenvolvimento de uma cultura empresarial internacional e vocacionada para responder de forma cada vez mais eficaz aos desafios e às oportunidades da economia digital.


Neste sentido, o quadro de atividades deste projeto incluiaçoes que envolveram missões de prospeção e conhecimento do mercado e players internacionais em países como Reino Unido, Alemanha, Bélgica, Estados Unidos da América e Singapura,; a criação de um programa de capacitação de empresários e quadros técnicos com competências e instrumentos digitais para poderem inovar e aumentar as suas vendas através dos canais digitais, a realização de e-books relacionados com as temáticas abordadas (que vão ajudar as PME a definirem a sua estratégia servindo também de apoio às decisões de gestão na área da internacionalização);, o Digital Awards by AEP, que decorreu em novembro passado e que premiou as PME com as melhores práticas de internacionalização no domínio digital e que responderam a um conjunto de critérios previamente definidos, destacando assim os melhores exemplos de inovação digital em Portugal.


Depois destas açoes chegou a altura de promover e disseminar os resultados registados durante o projeto e que culminaram com esta campanha de promoção do comércio online internacional, por forma a aumentar a notoriedade das PME portuguesas, destacando aquelas que registaram as melhores práticas nesta área.

VE - Quais são os seus principais protagonistas?


LMR- Nesta fase, os principais protagonistas são as empresas vencedoras do Digital Awards by AEP e as que foram distinguidas como tendo as melhores práticas no que respeita aos canais digitais e que estão integradas nesta campanha internacional. A Sua Farmácia Online, Filigrana Portuguesa, Friendly Fire, Luc, Maria do Mar Shop, Nanai, Oia Design, Oniris Store e Portugal Nosso são as empresas que representam casos de sucesso e exemplos de boas práticas no que se refere à utilização de ferramentas digitais com vista à internacionalização. No entanto, a intenção é que todas as empresas que têm presença online beneficiem desta campanha, que tem como principal objetivo mostrar que Portugal faz bem e que também está na vanguarda da inovação digital.


Hashtag #pickportugal

VE - A utilização da hashtag #pickportugal tem alguma razão especial?


LMR - A hashtag #pickportugal passa exatamente a mensagem que queremos escolha Portugal, sem margem para dúvidas. Achamos que, estando a fazer uma campanha direcionada para os canais digitais, fazia sentido associar um #hashtag que identificasse facilmente o que Portugal tem para oferecer. Na hora de escolher #pickportugal, tão simples quanto isso.

VE - Porquê a AEP a liderar um projeto desta envergadura?


LMR - Uma das principais missões da AEP é, e será sempre, defender os interesses das empresas, oferecendo serviços que potenciem a sua competitividade e ajudem a dar resposta às necessidades sentidas pelas mesmas. A internacionalização das PME é uma das áreas onde sentimos que existem algumas dificuldades ao nível da base exportadora e da diversificação de mercados e, portanto, fazia sentido criarmos um projeto que ajudasse estas empresas a potenciar os seus negócios internacionalmente e incentivá-las a apostar cada vez mais nos canais digitais para chegar a novos mercados.

VE - A que mercados se destina esta campanha?


LMR - Centramos esta campara o e-commerce nacional: Reino Unido, Estados Unidos da América, Macau, Espanha e Alemanha.

VE - Qual o investimento que envolve e que retornos são esperados?


LMR - Com um investimento que rondou os oitocentos mil euros, a AEP espera que as PME portuguesas sejam capazes de apostar no desenvolvimento de uma cultura empresarial vocacionada para responder de forma cada vez mais eficaz aos desafios e às oportunidades da economia digital.


O grande objetivo é aumentar a competitividade, a inovação e a internacionalização, através do incremento de competências estratégicas.


VE - Há mais iniciativas semelhantes em que a AEP possa estar envolvida em 2020?
LMR - Tendo em conta que o Digital é o grande trunfo, enquanto instrumento de promoção da atratividade, da captação e realização de investimento, mas também do funcionamento em rede entre os diversos intervenientes, a AEP desenvolve outros projetos.


A plataforma N-Invest, que contribui para criar condições que favoreçam dinâmicas para a captação de investimento, organizando a oferta em termos informativos, em colaboração estreita com os municípios e as associações empresariais, é um deles. Para reforçar e alargar a rede, recentemente, a AEP e a AICEP-Global Parques (através da sua Plataforma Site Selection) assinaram um protocolo de cooperação.


Para além do N-Invest, também somos responsáveis pelo projeto AEP LINK, desenvolvido em todas as regiões de convergência.


Na sequência da iniciativa "Empreender 2020 - Regresso de uma Geração Preparada, a Fundação AEP tem o projeto "Rede Global da Diáspora", que potencia o networking em larga escala, através da Plataforma Social de Networking, cujo objetivo é a criação de redes colaborativas para potenciar o conhecimento e a partilha de informações entre pessoas, instituições e empresas.



"O grande objetivo é aumentar a competitividade, a inovação e a internacionalização, através do incremento de competências estratégicas", afirma Luís Miguel Ribeiro.

Na hora de comprar, #pickportugal

A AEP - Associação Empresarial de Portugal lançou uma campanha internacional que pretende promover o e-commerce português. A Sua Farmácia Online. Filigrana Portuguesa, Friendly Fire, Luc, Maria do Mar Shop. Nanai, Oia Design, Oniris Store e Portugal Nosso são as empresas selecionadas no âmbito do projeto Portugal Digital Export e que integram esta ação internacional. Com a hashtag #pickportugal, esta campanha de comunicação internacional surge no seguimento do projeto Portugal Digital Export que pretende dar visibilidade internacional às pequenas e médias empresas portuguesas com presença digital, promovendo, consequentemente, o e-commerce nacional na sua generalidade. A campanha está já a decorrer em países como Estados Unidos da América, Macau, Espanha, Alemanha e Reino Unido.


Para protagonizar esta campanha foram selecionadas nove empresas portuguesas, finalistas do concurso 2019 Digital Awards by AEP e inserido no projeto Portugal Digital Export, que representam casos de sucesso e exemplos de boas práticas no que se refere à utilização de ferramentas digitais com vista à internacionalização. Estas empresas fazem agora parte desta campanha internacional que está já a ser trabalhada em vários pontos do globo. O uso da hashtag, criada no âmbito desta campanha, deve ser efetuado por todas as empresas nacionais com presença digital.


Campanha tem como principal objetivo mostrar que Portugal faz bem e está na vanguarda da inovação digital

Partilhar