NewDetail

AICEP
Agência para o Investimento e Comércio Externo de Portugal

CABEÇALHO

O Botanical Research Institute of Texas volta a reconhecer a excelência das práticas das duas marcas da Sogrape Vinhos no sentido de assegurar a sustentabilidade dos seus negócios nas vertentes ambiental, económica e social.

A Casa Ferreirinha e a Sandeman, duas das mais prestigiadas referências do portefólio da Sogrape Vinhos, acabam de ser distinguidas nos EUA no âmbito do “2019 International Award of Excellence in Sustainable Winegrowing”. Ambas as marcas tinham já sido premiadas na edição de 2016 deste prémio, atribuído pelo Botanical Research Institute of Texas (BRIT®) com o objetivo de reconhecer os produtores vitivinícolas mais empenhados em assegurar o desenvolvimento dos seus negócios através da adoção de práticas de excelência de sustentabilidade nas áreas ambiental, económica e social.

 

O BRIT® é uma organização internacional de pesquisa e educação sem fins lucrativos, que coleciona e protege espécimes de plantas, estuda e protege plantas e ensina sobre a importância da conservação da flora e da biodiversidade para o mundo.

 

O BRIT® atribuiu a Casa Ferreirinha a medalha de Platina, sagrando-a a grande vencedora global, e a Sandeman a medalha de Ouro, distinções que, segundo António  Oliveira Bessa, CEO da Sogrape Vinhos, “atestam o esforço destas insígnias da Sogrape para sustentar as suas atividades vitivinícolas através de práticas inovadoras capazes de minimizar impactos negativos na atmosfera, na água, nos solos e nas áreas onde se inserem as suas vinhas e instalações, sem esquecer aspetos tão importantes como a responsabilidade social nos negócios. Ter esse reconhecimento num mercado de referência como o americano, é sempre importante para a Sogrape Vinhos.” 

 

A atribuição dos prémios resulta também da qualidade expressa por dois vinhos da Sogrape – Quinta da Leda 2015 e Sandeman Vintage Porto 2016 – que foram apreciados por um painel de provadores.

Partilhar