NewDetail

AICEP
Agência para o Investimento e Comércio Externo de Portugal

CABEÇALHO

Os Jogos Olímpicos de Verão de 2024 terão lugar em Paris, de 26 de julho a 11 de agosto, seguindo-se os Jogos Paralímpicos de Verão de 2024, de 28 de agosto a 8 de setembro, na mesma cidade. Apesar de 95 por cento das infraestruturas utilizadas para ambas as competições serem temporárias ou já existentes na região de Île-de-France, há ainda infraestruturas que necessitam de ser construídas e requalificadas.

É o caso dos seguintes exemplos:

“Village olympique et paralympique”: Este complexo, que está destinado para acomodar 23 mil pessoas, será o maior projeto de construção deste projeto, estendendo-se por 51 hectares. O início dos trabalhos de construção está previsto para 2021. Após o término dos Jogos este complexo será convertido em 2 200 residências familiares, 900 residências, dois hotéis e 100 mil m2 de escritórios.

 

Le village des médias”: A construção deste complexo está prevista para os arredores do aeroporto de Bourget, onde o Parc des Expositions du Bourget será temporariamente transformado no centro de imprensa dos Jogos Olímpicos e Paralímpicos de 2024. Este complexo deverá abrigar cerca de 4000 jornalistas durante as competições e destinado a habitação para a população de Seine-Saint-Denis após os Jogos.

 

“Centre aquatique olympique”: Este complexo deverá ser construído perto do Stade de France e terá capacidade para 15 mil espetadores durante os Jogos, sendo a mesma reduzida para 5000 após 2025. A construção do centro está estimada em 113 milhões de euros, embora este valor esteja já a ser contestado por grandes grupos franceses, como a Vinci, Bouygues e Suez, que afirmam que dadas as especificidades de construção de uma piscina olímpica este orçamento é demasiado reduzido.

 

Outros projetos de menor dimensão incluem ainda a requalificação do Stade de France nos arredores de Paris e a requalificação do Stade Nautique du Roucas Blanc em Marselha.

 

Os trabalhos de construção para acolher os Jogos Olímpicos em Paris estão sob a responsabilidade da Société de Livraison des Ouvrages Olympiques (SOLIDEO), instituição pública encarregada do financiamento, supervisão e execução das obras e operações de desenvolvimento necessárias. O orçamento total previsto para todas as obras necessárias (100 por cento público) é de cerca de 1,4 mil milhões de euros.

 

Mais informações podem ser consultadas nos websites da SOLIDEO, Paris2024 e Jogos Olímpicos.

Partilhar