NewDetail

AICEP
Agência para o Investimento e Comércio Externo de Portugal

CABEÇALHO

Facebook irá funcionar lado a lado com pequenas empresas e startups para ajudá-las a crescer e a contratar profissionais.

O ‘Community Boost EU’ é o novo programa do Facebook, criado com o objetivo de ajudar as empresas da União Europeia a crescer e a equipar mais pessoas com as capacidades digitais necessárias para competirem nos ambientes de trabalho atuais.

 

Através deste programa, o Facebook compromete-se a construir três novos hubs de competências para comunidades em Espanha, na Polónia e em Itália, com o objetivo de formar meio milhão de pessoas e empresários em toda a União Europeia até 2020. Paralelamente, o Facebook está também a anunciar um investimento de inovação de 10 milhões de euros em França, através do centro de pesquisa de inteligência artificial. Através do ‘Community Boost EU’, o Facebook irá funcionar lado a lado com pequenas empresas e startups, para ajudá-las a crescer e a contratar profissionais. Além disso, está também a criar programas para capacitar as pessoas com as competências e recursos que necessitam para obter emprego ou colocar as suas próprias ideias em ação.

 

Os três novos centros comunitários em Espanha, Itália e Polónia funcionarão em parceria com organizações locais, oferecendo competências em questões digitais, literacia mediática e segurança on-line para grupos sub-representados. Irão seguir o modelo do ‘Digitales Lernzentrum’ do Facebook em Berlim, que abriu o ano passado em parceria com a Escola de Integração Digital da ReDI. Esta escola trabalha com refugiados, idosos e outros grupos comunitários na Alemanha para oferecer cursos de classes básicas de codificação para aulas de desenvolvimento profissional.

 

Nos próximos dois anos, o Facebook irá associar-se à Freeformers para oferecer cursos para 300 mil pessoas em toda a UE e no Reino Unido. Para 75.000 pessoas será pessoal para as restantes será online. Cada curso será adaptado a cada pessoa, e às capacidades de cada um. Para além disso, para os proprietários de negócios existirão cursos com o objetivo de o ajudar a expandir a sua pegada digital e encontrar novos clientes em todo o mundo.

 

Esta área foi pensada para 100 mil PMEs até 2020 e cursos on-line para 250 mil empresas. Integrado no programa #SheMeansBusiness do Facebook, a empresa irá garantir cursos de competências digitais para mais de 15 mil mulheres na França. Este programa encoraja o empreendedorismo através do desenvolvimento de redes, tutoria, programas liderados por parceiros e inspiradores de modelos confiáveis. Já está ativo no Reino Unido e na Itália e será lançado na Irlanda, Espanha e Suécia em 2018.

 

O Facebook está a investir 10 milhões de euros para acelerar a inovação da AI em França, aumentando os bolsistas de graduação do Facebook AI Research Paris de 10 para 40, concedendo bolsas de estudo para estudantes e financiando 10 servidores, bem como conjuntos de dados abertos para instituições públicas francesas.

 

Além desse investimento, também querem duplicar a equipa de investigadores e engenheiros de 30 para 60.

Partilhar