NewDetail

AICEP
Agência para o Investimento e Comércio Externo de Portugal

CABEÇALHO

O novo centro de distribuição do grupo francês vai estar operacional a partir de 2021.

O Grupo DPD Portugal, operador de correio expresso, resultante da fusão entre a Chronopost e a Seur, concretizada hoje, dia 9 de setembro, vai investir cerca de 25 milhões de euros num novo centro de triagem e distribuição de encomendas na área da Grande Lisboa.

 

O anúncio foi feito há minutos por Olivier Establet, CEO da DPD Portugal, na conferência de imprensa para o anúncio da conclusão do processo de fusão entre a Chronopost e a Seur.

 

“Este será o maior centro de distribuição de encomendas de correio expresso em Portugal”, assegurou Olivier Establet.

O novo centro de triagem e distribuição de encomendas estará operacional a partir de 2021, e será construído de raiz com a tecnologia mais avançada, em local que ainda não foi revelado.

 

Com a fusão hoje concretizada entre a Chronopost e a Seur, que deixam de existir no nosso país, Olivier Establet prevê que a DPD Portugal chegue ao final deste ano com um total de 22,5 milhões de encomendas distribuídas, um volume de faturação na ordem dos 77 milhões de euros e cerca de 1.400 profissionais exclusivos e a tempo inteiro.

 

Nos últimos meses, a DPD Portugal investiu no nosso país cerca de oito milhões de euros na recuperação de infraestruturas em Évora, Faro, Guarda, Coimbra e na Margem sul.

Partilhar