NewDetail

AICEP
Agência para o Investimento e Comércio Externo de Portugal

CABEÇALHO

Os gastos de turistas estrangeiros em Portugal, contabilizados como exportações de turismo pelo banco central, subiram 106 milhões nos primeiros dois meses deste ano, apesar do calendário desfavorável, pela Páscoa mais tarde que em 2018.

A informação divulgada hoje pelo Banco de Portugal indica que os turistas estrangeiros despenderam no país 1,68 mil milhões de euros, o que representa um aumento em 6,7% em relação ao período homólogo de 2018.

 

Este aumento foi proporcionado principalmente pela evolução em Janeiro, que é um mês em que se reflecte muito o desempenho na época de Ano Novo, com um aumento dos gastos de turistas estrangeiros em 8% ou quase 63 milhões de euros, para 851,02 milhões.

 

Em Fevereiro, a tendência de crescimento manteve-se, mas já foi mais moderada, situando-se em 5,5%, que significaram um aumento em 43,3 milhões de euros, atingindo um total de 830,17 milhões.

Partilhar