NewDetail

AICEP
Agência para o Investimento e Comércio Externo de Portugal

CABEÇALHO

O anúncio do primeiro vencedor está já marcado para a próxima edição do Web Summit Lisboa, em 2020.

A Give Peace a Voice e a KPMG Portugal, em parceria com a Startup Portugal, decidiram lançar o Tech For Peace Award, iniciativa que visa incentivar e reconhecer a tecnologia que ajude a promover a paz ou que contribua para construir um mundo melhor. As candidaturas ao prémio estão abertas a todas as startups e empresas portuguesas ou de qualquer outra nacionalidade.

 

O Tech For Peace Award é um prémio focado no ecossistema nacional, mas aberto a startups e empresas de outras nacionalidades, tendo em vista distinguir as mais impactantes, inovadoras e inspiradoras soluções tecnológicas orientadas para a promoção da paz e de um mundo melhor. O troféu do Tech For Peace Award terá a autoria de Joana Vasconcelos.

 

A iniciativa será apresentada esta tarde (dia 6 de novembro) no stand da Startup Portugal, onde é esperada a presença do primeiro-ministro, António Costa, e do fundador do evento, Paddy Cosgrave. Ao longo das próximas semanas, serão revelados os detalhes sobre a formalização do processo de candidatura, bem como a composição do júri e muitas outras surpresas.

 

O anúncio do primeiro vencedor está já marcado para a próxima edição do Web Summit Lisboa, em 2020.

 

“O Tech for Peace Award foi pensado com a missão de identificar, reconhecer e apoiar os melhores “projectos-negócio” de base tecnológica, que criem verdadeiro valor no sentido de um mundo melhor. Esta acção enquadra-se na estratégica global da Give Peace a voice de promover a paz através de todos os meios (artísticos) necessários e de provar que a paz é, sem dúvida, um negócio (no sentido de criar verdadeiro valor e com impacto positivo) rentável e sustentável”, diz Nuno Olim Marote, fundador da Give Peace a Voice.

 

Sikander Sattar, presidente do a KPMG Portugal, realça que “na KPMG entendemos a sustentabilidade e a responsabilidade social como pilares de continuidade do nosso negócio e do futuro do planeta. Assumimos, todos os dias, o compromisso de contribuir para um Mundo melhor, em parceria com os nossos colaboradores e Alumni, clientes e parceiros. É, por isso, que nos associamos a esta iniciativa com grande entusiasmo, reforçado ainda pelo facto do seu mentor ser um Alumni da KPMG”.

 

“A preservação da paz é, sem dúvida, uma das áreas a nível global onde esta comunidade [das start-ups] pode e deve desenvolver soluções”, sublinha, por sua vez, João Borga, diretor da Startup Portugal.

Partilhar