NewDetail

AICEP
Agência para o Investimento e Comércio Externo de Portugal

CABEÇALHO

O grupo Jaime Poças tem em fase de conclusão a construção do Vinha Boutique Hotel, uma unidade de cinco estrelas, localizada nas margens do Rio Douro, em Vila Nova de Gaia.

A nova unidade, de 38 quartos, mas que permite uma expansão futura, resulta da reabilitação do antigo palacete do seculo XIX e da construção de um novo edifício e tem a abertura prevista em final de julho. “Esta unidade vai posicionar-se num segmento de mercado alto, apostando na qualidade de serviço e diferenciando-se no mercado”, adianta Miguel Pulido, director do Vinha Boutique Hotel.

 

Acrescenta que as características, como a localização do hotel – sobranceiro ao Rio Douro, na freguesia de Oliveira do Douro –, numa quinta com 38 mil m2 de área, sendo que cerca de 30 mil m2 são de jardins, são aspectos que tornam este projecto único, posicionando-se num nicho de mercado onde a oferta é pequena.

 

A unidade vai criar 50 postos de trabalho, sendo que o Restaurante Vinha terá à sua frente o conhecido chefe Renato Cunha.

 

Família investe 3,5 milhões de euros

 

A nova unidade hoteleira nasce numa propriedade adquirida pelo grupo Jaime Poças – que se dedica à construção de imóveis – e fica localizada ao lado da conhecida Quinta Torre Bella, espaço que se dedica à realização de eventos, com um capacidade até 450 pessoas, que pertence e é gerida também pela família.

 

 “O investimento é de 3,5 milhões de euros, maioritariamente suportado por capitais próprios”, destaca Miguel Pulido. Trata-se, pois, de um “projecto familiar que envolve grande esforço e investimento”, frisa.

 

Com projecto de arquitectura de Joana Poças, a nova unidade resulta da recuperação do solar da quinta e da construção de um corpo novo, apresentando assim duas diferentes zonas.

 

No palacete fica instalado o restaurante, bar e o spa, sendo os pisos superiores ocupados por alguns quartos. O edifício novo é ocupado pelos quartos e pelas zonas técnicas.

 

O responsável destaca a aposta colocada na concepção e decoração dos quartos e suites em que o objectivo foi sobretudo privilegiar a diversificação e bom gosto.

 

Privilegiando a vista de rio, “algumas suites têm a possibilidade de comunicar com os quartos, apostando assim na estadia de famílias e outros tem jardim interior”. As suites “apresentam elementos alusivos a grandes decoradores”, destaca.

 

A aposta na diferenciação levou também a colocar os produtos de acolhimento e “amenities” de uma marca conceituada, a Jo Malone, que estará também à venda na loja do spa, refere o director. A unidade tem também uma piscina exterior.

 

Sinergias com Quinta Torre Bella

 

O Vinha Hotel vai aproveitar as sinergias do espaço de eventos da Quinta Torre Bella, localizado ao lado. Na sua opinião, “os serviços de qualidade” oferecidos por este espaço, “preparado para se adaptar a qualquer tipo de eventos”, permitiu que tivesse conseguido afirmar-se neste segmento de mercado.

 

Este facto leva a que tanto a unidade hoteleira como a Quinta Torre Bella possam aproveitar as sinergias. Também o hotel está preparado para a realização de diversos eventos.

 

Num futuro próximo, o aumento da oferta de quartos pode passar pela construção de bungalows, no jardim do palacete.

 

Refira-se que o projecto Encostas do Douro, promovido pela autarquia gaiense, visa a valorização ambiental e patrimonial da frente de rio Douro de Gaia até Lever, com a construção de uma ciclovia junto à rio, parte dela já executada.

 

O Vinha Boutique Hotel, com uma frente de rio de mais de 200 metros e acesso directo, vai contribuir assim para a valorização desta zona ribeirinha de Vila Nova de Gaia.

Partilhar