NewDetail

AICEP
Agência para o Investimento e Comércio Externo de Portugal

CABEÇALHO

A partir de julho, as empresas portuguesas já podem concorrer ao Prémio Inovação em Prevenção, uma iniciativa criada pelas Ageas Seguros e pela EXAME para o reconhecimento e incentivo às boas práticas empresariais na área da Prevenção, com especial tónica na forma como as empresas e seus gestores gerem os riscos associados à sua atividade.

Associam-se a esta iniciativa, que tem, este ano, a sua primeira edição, a Ordem dos Economistas e o ISQ que participarão no processo de escolha dos vencedores e que farão parte do júri.

 

São quatro as grandes categorias às quais as empresas podem concorrer: um prémio nacional, geral; o melhor projeto de prevenção relativo às pessoas; o melhor relativo ao património; e o melhor relativo ao ambiente.

 

Como estamos a constatar neste conturbado ano de 2020, há riscos em todo o lado, na vida das empresas. Alguns são desconhecidos e avassaladores, como a Covid-19, mas, todos os anos, as empresas confrontam-se com riscos de todo o tipo, desenhando e implementando planos e estratégias para protegerem os seus trabalhadores, o seu património e o ambiente. Esses são os projetos que esta iniciativa pretende dar a conhecer.

 

As empresas que pretendam candidatar-se, de forma totalmente gratuita, têm de preencher cumulativamente os seguintes requisitos: serem empresas do setor privado; tenham um número de empregados igual ou superior a dez; e terem um volume de negócios anual superior ou igual a dez milhões de euros. Os vencedores serão distinguidos, publicamente, com a entrega dos prémios, aquando da cerimónia da EXAME relativamente às 1000 PME, que se realiza habitualmente no final de cada ano e que tem a Ageas Seguros como patrocinador principal. Além do troféu, o vencedor terá direito à oferta de uma análise/visita do Serviço PAR (Prevenção e Análise Risco) da Ageas Seguros.

 

O prazo de inscrição começa a 14 julho e a encerra a 31 de outubro. No mês seguinte, far-se-á a análise final dos projetos a concurso, a qual incluirá a visita presencial às empresas selecionadas para essa fase final. O júri pronunciar-se-á na primeira quinzena de dezembro, com a escolha dos vencedores, sendo os prémios atribuídos em janeiro de 2021.

 

A composição do júri (12 membro de 10 entidades, cinco das quais externas) procurou assegurar um conjunto de personalidades com experiência e conhecimento da vida das empresas, de modo a haver uma avaliação cuidada e competente das candidaturas. São, assim, membros do júri José Gomes (CEO Ageas Seguros), Gustavo Barreto (Ageas Seguros), Tiago Freire (revista EXAME), Pedro Oliveira (EXAME), Rui Leão Martinho (bastonário da Ordem dos Economistas), Pedro Matias (presidente do ISQ), Camilo Lourenço (A Cor do Dinheiro), António Saraiva (CIP), Cristina Siza Vieira (AHP), Jaime Andrez (Compete 2020), Luís Castro Henriques (AICEP) e Nuno Mangas (IAPMEI).

 

O regulamento e todas as informações oficiais sobre esta iniciativa estarão brevemente disponíveis online. Leia ainda, na edição de agosto da EXAME, uma reportagem sobre o lançamento do prémio, com todos os pormenores e declarações dos principais responsáveis.

Partilhar