Criar e Instalar uma Empresa - Mercado Industrial e Logístico

AICEP
Agência para o Investimento e Comércio Externo de Portugal

CABEÇALHO

Contact Us


Homepage » Investir em Portugal » Criar e instalar uma empresa

Investir em Portugal

 

 

Criar e instalar uma empresa

 

 

5. O Mercado imobiliário

 

O Mercado ImobiliárioNesta secção, apresentamos umas estimativas dos custos de venda, arrendamento e construção nos mercados industrial, logístico e de escritórios em Lisboa e no Porto, com base em estudos de empresas imobiliárias nacionais e internacionais.

 

Note-se que os preços referidos apresentam um valor médio de mercado definido para a zona, variável consoante um vasto número de fatores, nomeadamente a localização, a dimensão, a qualidade de construção, e os seus acessos, entre outros.

 

Para mais informações sobre o setor imobiliário em Portugal, poderá consultar o "Guia de Investimento Imobiliário", da autoria da Cushman & Wakefield.

 

 

5.1. Mercado Industrial e logístico 

 

Em Portugal, grande parte do mercado industrial, principalmente o de melhor qualidade, está situado em zonas próprias: os parques industriais. Estes podem ser definidos como aglomerações planeadas de unidades industriais e/ou logísticas e que, normalmente, possuem um ordenamento territorial específico, uma boa localização geográfica e fácil acessibilidade.

 

Iniciamos esta seção introduzindo a aicep Global Parques, que desenvolve serviços de apoio à localização empresarial em parques industriais e logísticos. 

 

5.1.1. A aicep Global Parques e o Global Find 

 

A aicep Global Parques integra o universo da aicep Portugal Global atuando nas áreas da gestão de zonas e parques industriais e logísticos, da informação e conhecimento de oferta de localizações empresariais e da prestação de serviços de localização e instalação empresarial.

 

No contexto dos produtos e serviços disponibilizados pela aicep Global Parques, destacamos o Global Find ferramenta que responde à necessidade de identificar soluções de localização empresarial no território nacional continental, tendo como objetivo apoiar as empresas industriais e logísticas na procura da sua próxima localização.

 

Com acesso livre via Internet, identifica lotes vocacionados para a instalação de atividades industriais e logísticas inseridos em parques industriais através da seleção de critérios de âmbito infraestrutural, demográfico e socioeconómico predefinidos e colocados ao dispor do cliente.

 

Permite ao utilizador efetuar pesquisas multicritério e livres, navegar no mapa, visualizar locais de interesse de âmbito industrial e logístico e obter relatórios.

A aicep Global Parques coloca ainda ao dispor do investidor serviços personalizados de consultadoria e de apoio, que consistem na seleção e acompanhamento durante o processo de escolha da localização para o investimento.

 

Por sua vez, o Global Force é um produto de prestação de serviços de gestão de localizações empresariais. Tem como clientes-alvo parques e zonas industriais e logísticas existentes, assim como empresas industriais e logísticas que procurem localização (através, por exemplo, de procurement de localizações, seleção de localizações alternativas, projeto de instalação, processo de licenciamento de localizações, gestão de projetos de urbanização e loteamento, ou ainda, gestão de projetos de edificação de unidades industriais e logísticas). 

 

5.1.2. Lisboa

 

A área Metropolitana de Lisboa possui várias zonas industriais, onde se concentra a maioria da oferta existente nesta Região. Assim, é possível definir, dentro da Área Metropolitana de Lisboa, quais os principais eixos onde se concentra a oferta.

 

Lisboa

Cushman & Wakefield, Guia de investimento Imobiliário em Portugal, 2010 

 

Em 2009, as rendas mantiveram-se globalmente estáveis, entre os 2,75 €/m²/mês e os 6,50 €/m²/mês, consoante as zonas a que respeitem, nomeadamente as características e o nível de procura e oferta de cada uma.

 

Apresentam-se a seguir os preços indicativos para cada uma das zonas referidas no mapa.

 

Zona 1 – Alverca/Azambuja/Carregado: 3,50 €/m²/mês a 4,50 €/m²/mês;

Zona 2 – Almada/Setúbal/Palmela: 2,75 €/m²/mês a 4,00 €/m²/mês;

Zona 3 – Loures: 3,75 €/m²/mês a 4,50 €/m²/mês;

Zona 4 – Montijo/Alcochete: 3,25 €/m²/mês a 4,25 €/m²/mês;

Zona 5 – Sintra/Cascais/Amadora: 4,00 €/m²/mês a 5,00 €/m²/mês;

Zona 6 – Cidade de Lisboa: 4,50 €/m²/mês a 6,50 €/m²/mês.

 

No que diz respeito à modalidade de compra, os valores, para os armazéns industriais, oscilam entre 550 €/m² a 850 €/m². No que diz respeito a terrenos urbanizáveis, os valores situam-se numa fasquia entre 50 €/m² e 250 €/m².

 

Quanto aos custos de construção, para um padrão de elevada qualidade, estimam-se entre 300 €/m² a 425 €/m² para um armazém; e 350 €/m² a 600 €/m² para uma fábrica. 

 

5.1.3. Porto 

 

No que diz respeito aos preços praticados na área metropolitana do Porto, os estudos não apresentam o nível de detalhe disponível para o caso de Lisboa.

 

Assim, e para obter um termo de comparação, se considerarmos o preço médio de arrendamento industrial em Lisboa como sendo de 4,00 €/m²/mês, na cidade do Porto, a média encontrar-se-á entre os 3,00 €/m²/mês e 3,50 €/m²/mês. 

 

 

 

Conteúdo fornecido por

 

Conteúdo fornecido por

 
Partilhar